Um grupo de manifestantes composto por pelo menos 30 integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) bloqueou na manhã desta terça-feira, 23, um trecho na altura do quilômetro 77 da BR-222, no município de São Luís do Curu.

Segundo informações da organização do MST, a manifestação é uma forma de apoio ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que vai passar por um julgamento na quarta-feira (24), em Porto Alegre (RS).

Os manifestantes atearam fogo em pneus e pedaços de madeira na ponte do Rio Curu. Devido às chamas, os carros ficaram impedidos de trafegar na via. Equipes da Polícia Rodoviária Federal foram deslocadas ao local para orientar o tráfego e liberar a rodovia.


COMENTE ABAIXO ⬇

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.