(Foto: Fábio Lima)

Após saída de médicos cubanos do programa, o Ministério da Saúde lançou, de forma emergencial, novo edital para contratação de profissionais para o Mais Médicos. Serão ofertadas 8.517 vagas espalhadas por 2.824 municípios e 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEIs), onde antes atuavam os profissionais cubanos. No Ceará, são 439 vagas em municípios e quatro em DSEIs. As vagas serão direcionadas para pessoas formadas em instituições de educação superior brasileiras ou com diploma revalidado no País. O edital foi publicado na edição desta terça-feira, 20, do Diário Oficial da União.

Catalogadas em oito perfis diferentes, pelo menos 90 cidades do Ceará que receberão a assistência dos novos médicos do programa estão em situação de extrema pobreza, de acordo com o edital. Outras 14 ficam localizadas em áreas vulneráveis. Serão 27 vagas para a Capital e região metropolitana, sendo 15 para Fortaleza.

Três municípios do Estado que fazem parte do grupo G100 (cidades populosas com grande porcentagem de cidadãos em situação de vulnerabilidade socioeconômica) também receberão os profissionais que passarem no concurso. São elas: Iguatu, com 19 vagas, Quixadá, com 2, e Itapipoca, com 3, totalizando 24 lugares. Já as quatro vagas nos DSEIs serão divididas entre Monsenhor Tabosa, Poranga e São Benedito.

Os médicos aprovados devem começar a trabalhar em 3 de dezembro. As inscrições no concurso começam às 8 horas desta quarta-feira, 21, e seguem até o dia 25 deste mês. O salário previsto é de R$ 11.865,60 por 36 meses, com possibilidade de prorrogação, para trabalhar por 36 horas em unidades básicas de saúde e cumprir oito horas com atividades acadêmicas teóricas. Como o programa prevê atuação em áreas distantes, os profissionais terão direito de solicitar ajuda de custo.

Antes da saída dos médicos anunciada pelo governo de Cuba em 14 de novembro, 118 cidades do Ceará contavam com o trabalho destes profissionais. Eles ocupavam 448 vagas do programa. Segundo ordem de prioridade, os cubanos eram convocados apenas quando as vagas não eram preenchidas por médicos brasileiros, formados no Brasil ou não, ou por estrangeiros formados fora do País.

Os profissionais podem se inscrever no site maismedicos.gov.br.

Confira lista de cidades cearenses com vagas abertas para o Mais Médicos:

Acaraú
Acopiara
Alcantaras
Altaneira
Amontada
Ararenda
Arneiroz
Assaré
Barreira
Barroquinha
Baturité
Bela cruz
Boa viagem
Camocim
Campos sales
Capistrano
Carire
Cariús
Carnaubal
Catunda
Cedro
Chaval
Choró
Chorozinho
Coreaú
Crateús
Croatá
Cruz
Deputado Irapuan Pinheiro
Ererê
Forquilha
Fortaleza
Fortim
Frecheirinha
Graça
Granja
Guaraciaba do Norte
Hidrolândia
Horizonte
Ibiapina
Icó
Iguatu
Independência
Ipaporanga
Ipu
Ipueiras
Iracema
Irauçuba
Itaiçaba
Itapajé
Itapipoca
Itapiúna
Itarema
Itatira
Jaguaretama
Jaguaribara
Jaguaribe
Jaguaruana
Jucás
Lavras da Mangabeira
Limoeiro do Norte
Madalena
Marco
Martinópole
Meruoca
Miraima
Mombaça
Monsenhor Tabosa
Morada Nova
Moraújo
Morrinhos
Mucambo
Mulungu
Nova Russas
Novo Oriente
Ocara
Orós
Pacajus
Pacatuba
Pacoti
Palhano
Palmácia
Paracuru
Parambu
Pedra Branca
Pereiro
Pindoretama
Piquet Carneiro
Pires Ferreira
Poranga
Quiterianópolis
Quixadá
Quixeramobim
Reriutaba
Russas
Saboeiro
Santana do Acaraú
Santa Quitéria
São Benedito
São Gonçalo do Amarante
Senador Pompeu
Senador Sá
Sobral
Solonópole
Tabuleiro do Norte
Tamboril
Tauá
Tianguá
Tururu
Ubajara
Umirim
Uruoca
Várzea Alegre
Viçosa do Ceará


COMENTE ABAIXO ⬇

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.