Hospital afirma ter comunicado pacientes sobre a alteração no horário de funcionamento do departamento (Foto: Ítalo Cosme)

Quem foi ao Ambulatório de Especialidades do Hospital Infantil Albert Sabin (Hias) não foi atendido nesta sexta-feira, 21. Para hoje, eram esperadas cerca de 350 consultas, dia de menor fluxo de pacientes no setor. Os servidores imprensaram a sexta feira com o feriado e fim de semana, já que o Estado decretou ponto facultativo nesta sexta. A assessoria de comunicação alega ter comunicado aos pacientes sobre o não funcionamento do departamento, mas, mesmo assim, dezenas de pessoas, inclusive do interior do Estado, estiveram no local e desconheciam a informação.

Raimara Corpi afirma ter recebido uma ligação do hospital na quarta-feira informando sobre a consulta para esta sexta-feira, às 7 horas. “Ninguém falou nada. Só o guarda veio dizer que a gente não pode entrar. Nem para ir no banheiro e dar um banho na criança. Nós só vamos chegar às 10 horas da noite em casa”, relata sobre o imprevisto. Ela diz que esteve semana passada no local e também não foi atendida. “Porque não dar uma resposta dizendo se vão atender a gente ou não? Não é de graça. A gente gasta R$ 200 para chegar aqui”, comenta a moradora do município de Itapipoca, distante 139,9 km de Fortaleza.

Com a filha de um ano e quatro meses, Maria de Fátima Alves, 27, saiu a 1 hora da manhã do distrito de Bela Vista, no município de Itapipoca. A consulta com a fonoaudióloga estava marcada para 7 horas, mas às 11 horas, a mulher e a criança ainda estava em frente ao ambulatório sem perspectiva de quando seria atendida novamente. Ela alega não ter sido avisada.

“Eu vim terça, falei até para a doutora que estava pensando em não vir hoje. Mas ela mesmo disse que era importante para o acompanhamento da minha filha, mas não tem ninguém”, lamenta Fátima. Nem água, nem lugar para se acomodar foram disponibilizados. A filha, com problemas no pulmão, não teve a consulta remarcada.

Em nota, a direção do Albert Sabin afirma que os pacientes serão contatados e as consultas remarcadas na data mais próxima possível. “O Hospital Albert Sabin lamenta inconvenientes que tenham sido causados e informa que as consultas ambulatoriais serão retomadas na segunda-feira, 24, normalmente”, pontua o texto.

PONTO FACULTATIVO

Em texto publicado no Diário Oficial do Estado, o Governo do Ceará decretou ponto facultativo para esta sexta-feira, 21, após feriado de Corpus Christi. No entanto, funcionam em regime de plantão os serviços prestados pela Polícia Militar, Polícia Civil, Perícia Forense e pelo Corpo de Bombeiros Militar, o atendimento médico-hospitalar, ambulatorial e do Samu.

NOTA DO HOSPITAL

“O Hospital Infantil Albert Sabin (Hias) informa que as cirurgias e atendimentos na emergência estão sendo realizados normalmente nesta sexta-feira, 21 de junho. O Hias esclarece ainda que os pacientes com consultas marcadas no ambulatório de especialidades para este dia foram contactados para remarcação na data mais próxima possível. Houve alguns casos em que as chamadas não foram atendidas ou completadas.

Em feriados e fins de semana, o serviço hospitalar ocorre sob escala de plantão, permanecendo o atendimento da Emergência, que funciona 24 horas. O Hospital Albert Sabin lamenta inconvenientes que tenham sido causados e informa que as consultas ambulatoriais serão retomadas na segunda-feira, 24, normalmente”.


COMENTE ABAIXO ⬇

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.