Foi finalizada no dia 14/8 a turma de perspontador de calçados, voltada inteiramente para pessoas com deficiência (PCDs) na empresa DASS, que fabrica  marcas como Fila e Umbro, em Itapipoca. Vinte pessoas foram capacitadas pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI Ceará), numa qualificação de 160h, que teve início em 17/6. O curso preparou os alunos para a etapa de costura de calçados. As aulas aconteceram à noite, numa estrutura de minifábrica, montada pela empresa para as qualificações, com equipamentos e máquinas que permitiram aulas teóricas e práticas. Após o curso, todos os alunos foram contratados pela empresa.

De acordo com a analista de educação do SENAI Ceará, Soraya Vasconcelos, a empresa teve uma iniciativa sensível e responsável. “Nós que acompanhamos os trâmites, vimos o compromisso e empenho com que a equipe da DASS dedicou na divulgação, seleção, formatação e execução desse propósito. O que a DASS fez pelos jovens foi mais do que ensinar um ofício: vislumbraram possibilidades, ampliaram horizontes, amplificaram esperanças! E o SENAI esteve presente nessa formação, mediando o conhecimento, acompanhando o desenvolvimento, entendendo as limitações e oferecendo novas perspectivas”, analisa.

Programa SENAI de Ações Inclusivas – PSAI

A iniciativa faz parte do Programa SENAI de Ações Inclusivas (PSAI). O PSAI objetiva promover condições de equidade que respeitem a diversidade inerente ao ser humano (gênero, raça/etnia, maturidade, deficiência, entre outras características ligadas à vulnerabilidade social) visando a inclusão e a formação profissional dessas pessoas nos cursos do SENAI, com base nos princípios dos Direitos das Pessoas com Deficiência.


COMENTE ABAIXO ⬇

Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.