Aumento nos números de acidentes e mortes nas rodovias federais durante o Natal de 2023, revela balanço da PRF

Operação Natal registra crescimento nos índices de acidentes e feridos, enquanto número de ocorrências graves apresenta queda significativa. Conscientização e fiscalização intensificadas não impedem aumento de infrações.

Publicidade

Mais lidas

As rodovias federais brasileiras testemunharam um preocupante aumento nos índices de acidentes, feridos e mortes durante o feriado de Natal de 2023, em comparação com o ano anterior. De acordo com o balanço divulgado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) nesta terça-feira (26), os dados revelam uma realidade sombria das estradas entre os dias 22 e 25 de dezembro.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

No total, 90 vidas foram perdidas nas estradas federais durante esse período, representando um aumento em relação às 79 mortes registradas no Natal de 2022. Os feridos também viram um acréscimo, passando de 1.020 para 1.030. Embora os números de acidentes totais tenham subido de 853 para 891, um dado encorajador é a queda nos acidentes graves, que passaram de 258 para 233.

A PRF destacou que as ações da Operação Natal 2023 tiveram como foco principal a conscientização dos cidadãos sobre a importância da presença e plena funcionalidade dos itens obrigatórios de segurança. Entretanto, mesmo com o reforço nas operações, as infrações persistiram.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Durante os quatro dias de operação, 3.550 motoristas e passageiros foram flagrados sem o uso do cinto de segurança, uma infração grave que registrou um aumento de 20% em relação ao mesmo período de 2022. Além disso, ultrapassagens em locais proibidos, velocidade acima do limite e direção sob efeito de álcool foram algumas das infrações flagradas pela PRF, que autuou 1.106 motoristas nesses casos.

A falta de cadeirinhas para crianças também foi um problema recorrente, resultando em 668 notificações. A PRF ressaltou que a inspeção rigorosa desses elementos de segurança visa não apenas cumprir as obrigações legais, mas também mitigar as consequências severas dos acidentes de trânsito.

O policiamento reforçado nas estradas teve impactos positivos, resultando na recuperação de 59 veículos com restrição de furto ou roubo, além da apreensão de 11 armas, 149 munições, 7,6 toneladas de maconha e 236 quilos de cocaína. No total, 421 pessoas foram detidas, demonstrando a eficácia das ações da PRF na manutenção da segurança nas rodovias federais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Conteúdo protegido!

 

Você não tem permissão para copiar/reproduzir nosso conteúdo!

Enviar mensagem
1
Fale conosco
Envia sua notícia ou denúncia para a nossa equipe de jornalismo!