Bombeiro morre e outras três pessoas ficam feridas em acidente na BR-222

Dois dos feridos também são bombeiros, conforme a corporação. Os soldados haviam saído do serviço em Itapipoca e retornavam para a capital

Publicidade

Mais lidas

Uma colisão frontal entre um carro Fiat Uno e um caminhão deixou umbombeiro morto, no início da tarde desta terça-feira, 8, no km 61 da BR-222, em São Gonçalo do Amarante, distante 60 km de fortaleza. O Corpo de Bombeiros do Ceará informou que o soldado que morreu era chamado de Edson Filho e estava no carro com mais três pessoas, que ficaram feridas.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O acidente foi registrado por volta das 13 horas, conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Dois dos feridos também são do Corpo de Bombeiro – soldado Mota e soldado Rebouças. A terceira pessoa ferida no acidente foi uma mulher, que não foi identificada.

Os três bombeiros envolvidos no acidente eram lotados no quartel de Itapipoca. “Eles estavam saindo do serviço e retornando para Fortaleza. Os feridos foram levados ao Instituto Doutor José Frota”, disse a capitã Juliany Freire, assessora de comunicação da corporação.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O estado de saúde dos bombeiros e da mulher é estável, ainda conforme a capitã Juliany. “Eles não correm risco de morrer e estão em observação, fazendo alguns exames”. O Corpo de Bombeiros não confirmou ainda quem dirigia o veículo no momento do acidente.

Em nota, a Associação dos Cabos e Soldados Militares do Estado do Ceará (ACSMCE) manifestou condolências à família, amigos e companheiros de trabalho do bombeiro Militar Edson Filho. ”Estendemos nosso pesar e solidariedade a todos e desejamos que Deus esteja confortando a família enlutada para que possa com brevidade superar a inestimável dor desta perda”, disse.

O Povo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Conteúdo protegido!

 

Você não tem permissão para copiar/reproduzir nosso conteúdo!

Enviar mensagem
1
Fale conosco
Envia sua notícia ou denúncia para a nossa equipe de jornalismo!