Receita Federal libera lote residual de restituição do IRPF com pagamento de R$ 370 milhões

Prioridade aos mais vulneráveis: idosos, portadores de deficiência, professores e usuários da Declaração Pré-preenchida recebem valores nesta quinta-feira.

Publicidade

Mais lidas

A Receita Federal efetuará, nesta quinta-feira (28), o pagamento do lote residual de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física (IRPF) referente ao mês de dezembro. O montante destinado a 244.476 contribuintes totaliza expressivos R$ 370.453.244,97.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Dentre os beneficiados, R$ 268.895.534,49 foram direcionados aos contribuintes prioritários. Este grupo inclui 4.314 idosos com idade superior a 80 anos, 39.830 indivíduos entre 60 e 79 anos, 4.945 contribuintes com deficiência física, mental ou moléstia grave, 8.831 cuja principal fonte de renda é o magistério e 93.584 que optaram pela Declaração Pré-preenchida ou receberam via PIX. Adicionalmente, 92.972 contribuintes não prioritários também foram contemplados.

O pagamento da restituição ocorre diretamente na conta bancária indicada na Declaração de Imposto de Renda, seja por meio tradicional ou via chave PIX. Caso ocorram problemas no crédito, como desativação da conta informada, os valores permanecerão disponíveis para resgate por até 1 ano no Banco do Brasil.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Para reagendar o crédito não realizado, os cidadãos podem utilizar o Portal BB, acessar o endereço do Banco do Brasil para restituição ou entrar em contato com a Central de Relacionamento BB pelos números 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone exclusivo para deficientes auditivos).

No caso de não resgate no prazo de 1 ano, os contribuintes podem requerer a restituição pelo Portal e-CAC, disponível no site da Receita Federal, acessando o menu “Declarações e Demonstrativos > Meu Imposto de Renda” e clicando em “Solicitar restituição não resgatada na rede bancária”.

Para verificar a disponibilidade da restituição, os contribuintes devem acessar a página da Receita na internet, clicar em “Meu Imposto de Renda” e, em seguida, em “Consultar a Restituição”. A página oferece orientações e canais de serviço, permitindo uma consulta simplificada ou completa da situação da declaração, através do extrato de processamento acessado no e-CAC.

Além disso, a Receita disponibiliza um aplicativo para tablets e smartphones, permitindo consultas diretas nas bases da Receita Federal sobre a liberação das restituições do IRPF e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Conteúdo protegido!

 

Você não tem permissão para copiar/reproduzir nosso conteúdo!

Enviar mensagem
1
Fale conosco
Envia sua notícia ou denúncia para a nossa equipe de jornalismo!