Tragédia no Marrocos: Mais de mil vítimas em terremoto devastador

Embaixada do Brasil em Rabat confirma ausência de brasileiros entre as vítimas

Publicidade

Mais lidas

Na noite desta sexta-feira (8), um terremoto de magnitude 6,8 na escala Richter abalou a região do norte da África, mais especificamente a província de Al Haouz, no sul do Marrocos. As informações iniciais da TV estatal marroquina, divulgadas pela agência de notícias Reuters, são devastadoras, relatando a perda trágica de mais de mil vidas e deixando centenas de feridos.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos, o epicentro deste abalo sísmico ocorreu a uma profundidade de 18,5 quilômetros, cerca de 72 quilômetros a nordeste de Marrakesh. O impacto do terremoto foi sentido em várias regiões, deixando uma marca indelével de destruição e sofrimento.

Até o momento, não foram registrados brasileiros entre as vítimas ou feridos, de acordo com informações fornecidas pela Embaixada do Brasil em Rabat. A representação diplomática brasileira acompanha de perto os desdobramentos dessa tragédia e expressou sua solidariedade às autoridades marroquinas e à população local, que enfrenta este momento de profunda dor e perda humanas.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

A embaixada também disponibilizou um número de plantão para assistência a eventuais brasileiros que necessitem de apoio ou informações adicionais: +212 661 16 81 81, incluindo o aplicativo de mensagens WhatsApp. Esta medida visa a assegurar que qualquer cidadão brasileiro no Marrocos tenha acesso à ajuda necessária e ao suporte da embaixada durante essa situação delicada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Conteúdo protegido!

 

Você não tem permissão para copiar/reproduzir nosso conteúdo!

Enviar mensagem
1
Fale conosco
Envia sua notícia ou denúncia para a nossa equipe de jornalismo!