Falece a deputada Amália Barros, aos 39 anos, após batalha contra doença

Parlamentar do PL-MT, defensora dos direitos das pessoas com visão monocular, deixa legado de luta e conquistas políticas

Portal Itapipoca Portal Itapipoca
3 Min Read
- PUBLICIDADE -

A madrugada deste domingo (12) trouxe a triste notícia do falecimento da deputada Amália Barros (PL-MT), aos 39 anos, no Hospital Vila Nova Star, em São Paulo. Internada desde o dia 1º de maio após a retirada de um nódulo no pâncreas, Amália sucumbiu após semanas de tratamento intensivo, conforme anunciado em suas redes sociais.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

Eleita em 2022 com expressiva votação, Amália Barros exercia seu primeiro mandato na Câmara dos Deputados, onde se destacava por sua atuação firme em prol dos direitos das pessoas com visão monocular. A perda foi lamentada não apenas pelo meio político, mas também por personalidades próximas, como a ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro, que prestou homenagem em suas redes sociais.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

Natural de Mogi Mirim, São Paulo, Amália Barros, formada em jornalismo, transformou sua própria experiência em luta política. Aos 20 anos, enfrentou a perda da visão de um dos olhos, um obstáculo que a impulsionou a fundar o Instituto Nacional da Pessoa com Visão Monocular, dedicado à promoção dos direitos e à assistência às pessoas com essa condição.

Seu legado inclui a luta pela aprovação da chamada Lei Amália Barros, que equiparou os direitos das pessoas com visão monocular aos de outras deficiências sensoriais. A deputada também deixou sua marca na literatura, com o lançamento do livro “Se Enxerga!: Transforme Desafios em Grandes Oportunidades para Você e Outras Pessoas”, onde compartilhou sua história e inspirou outros a superarem adversidades.

Neste momento de dor, as condolências se estendem à família, aos amigos e aos admiradores de Amália Barros, uma figura jovem e combativa que deixa um legado de luta e conquistas em prol das causas que defendeu. O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), ressaltou a importância de sua atuação e sua dedicação às causas do Mato Grosso e da visão monocular, destacando a relevância da Lei que leva seu nome.

A partida precoce de Amália Barros deixa um vazio no cenário político, mas seu exemplo de superação e engajamento permanecerá como inspiração para as gerações futuras.

Compartilhe
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

- Advertisement -

Conteúdo protegido!

 

Você não tem permissão para copiar/reproduzir nosso conteúdo!

Enviar mensagem
1
Fale conosco
Envia sua notícia ou denúncia para a nossa equipe de jornalismo!